, 21 de Agosto de 2013

Perdidos em combate

Nos dias 18 e 19 de Agosto morreram duas personalidades ímpares do meio do jazz, Cedar Walton (na foto) e Albert Murray. 

Walton foi um dos mais influentes pianistas e compositores da era do hard bop, tendo ganho notoriedade no meio ao integrar, nos anos 1960, os Jazz Messengers do baterista Art Blakey, ao lado de músicos como Wayne Shorter e Freddie Hubbard. Composições de sua autoria como "Ugetsu / Fantasy in D", "Bolivia" e "Firm Roots" tornaram-se desde então obras essenciais no repertório dos músicos de jazz em todo o mundo.

Albert Murray foi, por sua vez, um dos mais destacados escritores e críticos afro-americanos. Figura muito próxima de Ralph Ellison e um pensador importante nos campos da história, da política, da estética e da literatura,foi responsável pela introdução de conceitos como "blues aesthetic", que transformaram o trabalho analítico e crítico sobre o jazz.

O legado destas duas figuras perdurará. (Ricardo Pinheiro)