Keith Rowe, 22 de Dezembro de 2014

Um pássaro voando sem parar

texto John Eyles (Oro Molido)

O antigo membro dos pioneiros AMM continua a querer representar a existência humana num acto performativo em que, em vez de música, o que faz é “pintar os sons”, mas considera que a sua desconstrução da guitarra já chegou ao limite. Uma figura do passado que continua muito à frente do presente, na primeira pessoa do singular.

Ler mais

João Hasselberg, 17 de Novembro de 2014

A verdade é sempre pessoal

texto Rui Eduardo Paes fotografia Vera Marmelo

O contrabaixista e compositor de Lisboa tem novo disco a sair. “Truth Has to Be Given in Riddles” é como que um enigma que temos de descobrir por nós próprios e em nós próprios. Uma música pessoal para uma audição que só pode ser pessoalíssima, tal como ele pretende que seja…

Ler mais

Agustí Fernández. , 3 de Novembro de 2014

O Durruti da improvisação

texto Pedro Tavares e Mafalda Costa

O pianista de Barcelona que reconhece na música improvisada os princípios do anarquismo espanhol defende que é preciso começar já a inventar aquela que será a «música antiga do século XXII». Isto porque, no seu entender, o jazz é a música antiga do século XX…

Ler mais

Wade Matthews, 22 de Outubro de 2014

A música que acontece ali mesmo

texto Fernando Vigueras (Oro Molido)

Conversa com o músico americano radicado em Madrid sobre a livre-improvisação, passando por aspectos como o ensino, a tecnologia, as diferenças com a música escrita e, não menos importante, a liberdade de criar no momento. Tudo a propósito do livro “Improvisando – La Libre Creación Musical”.

Ler mais

José Menezes, 11 de Agosto de 2014

Pontos nos “iis”

texto Pedro Tavares e Mafalda Costa

Foi um dos solistas da actuação do Lisbon Underground Music Ensemble no fecho do Jazz em Agosto deste ano e é não só um dos mais importantes saxofonistas da cena nacional como também um dos poucos “pensadores” do jazz que por cá se pratica. Nesta conversa com a jazz.pt coloca os dedos em algumas feridas e também esta revista não escapa à sua crítica…

Ler mais

Marc Ducret, 14 de Julho de 2014

Ada e as coisas reais

texto António Branco

Apaixonado pela literatura, o guitarrista francês inspirou-se num romance de Nabokov e transformou em música as emoções do texto. Testemunharemos, ao vivo, o resultado no Jazz em Agosto. O músico falou à jazz.pt sobre este projeto e não só.

Ler mais

Émile Parisien, 8 de Julho de 2014

À procura, simplesmente

texto Rui Eduardo Paes

O saxofonista francês de que cada vez mais se fala vem ao Jazz im Goethe Garten com o seu quarteto. Enquanto esperamos pelo concerto, fiquemos a conhecer melhor este habitual colaborador de Hugo Carvalhais que também toca com Daniel Humair e diz, modestamente, que está a aprender.

Ler mais

Christophe Berthet, 23 de Junho de 2014

Regresso a Portugal

texto Paulo Chagas

O saxofonista soprano suíço vem a Lisboa em Julho para participar com o seu trio Silo no Jazz im Goethe Garten. A música que traz é uma mistura de pulsações “groove” e texturas, combinação não muito habitual nos territórios do jazz. Já por cá esteve algumas vezes, mas nesta vamos conhecer-lhe outra faceta…

Ler mais

Matthew Shipp, 24 de Maio de 2014

Solista em trio

texto Rui Eduardo Paes

O autor do aclamado “Piano Sutras” vem a Coimbra e ao Porto para duas apresentações a solo (na verdade em trio, como nesta entrevista explica). A jazz.pt “apanhou” aquele que é um dos mais importantes pianistas da actualidade entre dois aviões…

Ler mais

Pedro Guedes, 18 de Abril de 2014

O sorriso de um “megalómano”

texto Rui Eduardo Paes

O sonho do director artístico da Orquestra Jazz de Matosinhos parecia de realização impossível, mas o certo é que tem estado a acontecer: a “big band” nacional já não é só nossa, mas de todo o jazz orquestral que se faz no mundo. Comprova-o um novo álbum acabado de sair: “Jazz Composers Forum”…

Ler mais

Gloria Damijan, 24 de Janeiro de 2014

Uma nova voz da Áustria

texto Paulo Chagas

É um dos novos valores do piano e da electrónica na música improvisada que se pratica em Viena. Já esteve várias vezes em Portugal e teve a oportunidade de tocar com improvisadores nacionais, o que lhe inspirou a organização em Viena do ciclo Donau/Tejo.

Ler mais

Francisco Andrade, 14 de Janeiro de 2014

Aberto à mudança

texto Nuno Catarino

Há uma novíssima geração no jazz nacional e nesta alguns nomes vão-se destacando devido às suas qualidades técnicas e criativas. Este saxofonista vindo da Madeira, mas nascido na Venezuela, é sem dúvida, um deles…

Ler mais

John Abercrombie, 30 de Dezembro de 2013

Operário guitarrista

texto Gonçalo Falcão

Esteve em Guimarães este ano e novamente deslumbrou. Em 2013 teve também disco novo, com “39 Steps” a marcar o seu reencontro com o pianista Marc Copland. Conversámos com o “working guitar player” que, com ironia, lembra estar 40 anos mais velho do que em “Timeless”…

Ler mais

Gil Dionísio, 1 de Dezembro de 2013

A caminho do futuro

texto Rui Eduardo Paes

O seu nome vai aparecendo cada vez mais nos domínios da improvisação e do jazz. O próprio Carlos Barretto foi buscá-lo para integrar a nova configuração do grupo In Loko e a comunidade lisboeta do Intendente deve-lhe o acesso a outro tipo de sonoridades que não as habituais num bairro popular. Muito há a esperar deste jovem violinista e cantor que também dança.

Ler mais

Bob Ostertag, 30 de Novembro de 2013

De malas aviadas

texto Rui Eduardo Paes

O autor de “Sooner or Later” vem ao Porto. Na bagagem traz o novo “software” de sintetizador Aalto e os registos que fez em El Salvador de um menino a enterrar o seu próprio pai – aqueles mesmo que o tornaram num dos poucos improvisadores assumidamente políticos em actividade. Aqui ficam algumas dicas do próprio sobre o que se vai ouvir – e mais vale tarde do que nunca – em Dezembro entre nós…

Ler mais

Tertúlia Jazz, 10 de Novembro de 2013

O que dizem os fotógrafos

texto Pedro Tavares e Rui Eduardo Paes fotografia António Marciano

Seis olhares do jazz que se toca em Portugal ganharam voz numa conversa promovida pela Rua de Baixo em parceria com a jazz.pt e a Le Cool Lisboa. Aqui está o que pensam sobre a existência de uma efectiva “fotografia jazz” e sobre a sua posição relativamente ao jornalismo, ao documentalismo e à arte, os três caminhos percorridos pela fotografia.

Ler mais

Noel Taylor, 25 de Outubro de 2013

Puro desfrute

texto Paulo Chagas

Uma das mais importantes figuras da cena londrina da improvisação, o clarinetista dirige o seu próprio grupo, Splatters, e é membro da prestigiada London Improvisers Orchestra, na dupla condição de instrumentista e “maestro”. A jazz.pt quis saber mais sobre este músico.

Ler mais

Joana Sá, 18 de Outubro de 2013

Por vezes, acha-se o mar

texto Nuno Catarino fotografia Nuno Martins

A pianista e compositora tem novo disco em que a improvisação volta a desempenhar um papel muito especial. O próprio título, “Elogio da Desordem”, diz tudo quanto ao que lá está dentro: música que resulta de muito trabalho. Agora, diz à jazz.pt, é preciso deitar abaixo o Governo…

Ler mais

Tania Giannouli, 3 de Outubro de 2013

Passageira terrestre

texto Paulo Chagas

Paulo Chagas apresenta-nos a sua parceira no álbum “Forest Stories”. Fiquem a saber quem é, de onde vem e o que procura esta pianista em ascensão nos domínios do jazz grego, de que tão poucos ecos nos chegam. O mundo lá vai ficando mais pequeno, graças ao esforço de quem não se conforma com viver na periferia da música, e em crise…

Ler mais

Quinito Mourelle, 30 de Setembro de 2013

O surfista do jazz

texto Rui Eduardo Paes

Aquí tão perto e, no entanto, tão longe, na Galiza, há um romancista que é também compositor e pianista e também crítico de música. Sempre que pode, ainda corta as ondas com uma prancha de surf e vê nisso uma relação com o jazz. É altura de o conhecer em Portugal. Urgentemente…

Ler mais