Aljamia

Coreto Porta-Jazz: “Aljamia” (Porta-Jazz)

Porta-Jazz

João Martins

Já faz uns meses que este disco está nos escaparates, mas não é tarde para falar dele. "Aljamia", pelo Coreto Porta-Jazz, é um registo singular: esta pequena orquestra que é também uma colecção invejável de estrelas (ainda que emergentes) de uma das mais promissoras gerações do jazz português, interpreta um conjunto de seis temas originais de João Pedro Brandão, que aqui se revela como compositor e arranjador de pleno direito.

Carlos Azevedo, um dos responsáveis pela formação destes músicos, quer na ESMAE, quer na Orquestra Jazz de Matosinhos, elogia, justamente, a técnica e a criatividade de Brandão na construção de um CD que, partindo do estudo das influências mediterrânicas na criação de repertório jazzístico, resulta num objecto cativante e equilibrado, conjugando o "melhor de dois mundos".

Estas influências, claramente perceptíveis em temas como "Kalenderi" ou "Danças a Leste", servem como impulsos criativos a que o grupo e os solistas reagem com personalidade própria num disco que surpreende tanto pela qualidade geral da composição e da prestação rigorosa do ensemble, como pela inspiração e pela pertinência dos solos e dos momentos improvisados em pergunta-resposta.

Caso do superlativo duo de Rui Teixeira, no saxofone barítono, e Fernando Sanchez, no sax tenor, em "Corrente", de um lirismo raro.

De resto, a diversidade das situações, das estruturas e das sequências permite a todos os solistas— desde o primeiro solo do próprio João Pedro Brandão, na flauta, em "Kalenderi" ao último, de Daniel Dias, no trombone em "Danças a Leste"— a afirmação de identidades próprias, para lá da capacidade técnica que todos demonstram.

Naturalmente, alguns raros momentos denunciam a origem académica do projecto e de alguns dos seus intérpretes e essa "filiação" não se tenta disfarçar artificialmente, pelo que este é um trabalho honesto e que denota uma maturidade invejável.

Um notável primeiro lançamento que reforça o significado e a importância da Associação Porta-Jazz e destes músicos em concreto na renovação ou na refundação do jazz português.

  • Aljamia

    Aljamia (Porta-Jazz)

    Coreto Porta-Jazz

    João Pedro Brandão (saxofone alto, flauta); José Pedro Coelho, Fernando Sanchez (saxofones tenor); Rui Teixeira (saxofone barítono); Ricardo Formoso, Susana Santos Silva (trompetes); Daniel Dias, Andreia Santos (trombones); Alexandre Dahmen (piano); José Carlos Barbosa (contrabaixo); José Marrucho (bateria)