Rodrigo Amado Motion Trio & Jeb Bishop: “The Flame Alphabet” (NotTwo Records)

Rui Eduardo Paes

Depois de estreada a colaboração do Motion Trio de Rodrigo Amado com o trombonista americano Jeb Bishop em “Burning Flame”, gravado ao vivo no festival Jazz ao Centro, eis que o mesmo projecto ressurge num registo em estúdio de se lhe tirar o chapéu, “The Flame Alphabet”. Tudo o que já estava brilhantemente em potência no disco anterior – tanto assim que surgiu em algumas listas internacionais dos melhores de 2012 – é aqui concretizado na plenitude.

Os jogos interactivos de Amado e Bishop nos sopros são soberbos, o mais “contrabaixistíco” dos violoncelistas da actualidade, Miguel Mira, está melhor do que nunca e Gabriel Ferrandini revela que tem mais para oferecer do que uma verve combustiva que tudo arrasta à sua frente, denotando uma especial sensibilidade sonora, argumentativa e narrativa. Está neste disco de edição polaca alguma da melhor música que se pratica por estes dias em Portugal e no mundo…