Tone Hunting

Kaluza / Majewski / Mazur / Suchar: “Tone Hunting” (Clean Feed)

Clean Feed

Bernardo Álvares

Este álbum resulta do encontro da saxofonista alemã Anna Kaluza com os polacos Artur Majewski, Rafal Mazur e Kuba Suchar. Embora alguns destes nomes possam ainda não ser conhecidos do grande público do jazz, os mais atentos têm posto os olhos e ouvidos naquilo que se está a passar na Polónia, onde existe uma rede fervilhante de músicos com vontade de se assumir como a próxima grande cena de jazz europeu.

Neste disco propõe-se a um “tone hunting”. “Tone” é uma daquelas palavras interessantes que, traduzida para Português, pode corresponder a uma série de significados: “tom”, “tonalidade”, “som”, “timbre”, “espírito”, “acento”, “sotaque”, “entoação”, etc. A busca, sugerida pelo título, de algo tão abstracto e, ainda assim, tão humanamente musical não só levanta interessantes questões como convida a ouvir os desenvolvimentos propostos.

A “caça” pode começar um pouco atrapalhada, com os músicos a correrem em várias direcções e a assustarem os “tones” mais cuidadosos, mas depressa o quarteto percebe quão interessantes podem ser outras abordagens que, embora não-alinhadas, são, à sua maneira, também organizadas. Na segunda faixa (como as restantes, sem título), por exemplo, notamos uma mudança de estratégia: sem perder a intensidade, podemos ouvir a, até aí, exuberante presença da guitarra baixo acústica de Mazur converter-se num trabalho técnico minimalista impressionante, com Majewski numa espécie de mini-solo atípico, a capturar com toda a segurança todo um seguimento de entre-notas atonais vibrantes.

Embora com uma intensidade bastante oscilante – tendo na terceira faixa uma introspecção sossegada a explorar a conceptualidade do acto de caça –, o som deste quarteto vive muito da energia injectada pela secção rítmica. Suchar aplica na sua bateria muitas das novas tendências do jazz contemporâneo, na linha dos grandes bateristas europeus, e Mazur guia linhas de baixo a alta velocidade. Os sopros de Kaluza e Majewski em interacção constituem, talvez, o ponto mais forte deste CD, compreendendo-se muito bem e completando-se de forma inteligente.

Com espaço para todos os elementos brilharem e mostrarem o seu grande potencial, este disco pode, enquanto um todo, perder-se na indefinição, com os improvisadores a procurarem um som (ou um “tone”) consensual, com receio de explorar ideias mais interessantes para não puxarem os outros elementos para fora das suas zonas de conforto. É, no entanto, um belíssimo registo da força emergente do jazz polaco.

  • Tone Hunting

    Tone Hunting (Clean Feed)

    Kaluza / Majewski / Mazur / Suchar

    Anna Kaluza (saxofone alto), Artur Majewski (trompete), Rafal Mazur (guitarra baixo), Kuba Suchar (bateria, percussão, kalimba, megafone)