Magic 101

Frank Wess: “Magic 101” (IPO Recordings)

IPO Recordings

Nuno Catarino

Frank Wess morreu no final do ano passado. Foi uma figura que acompanhou a história do jazz sempre na primeira fila: integrou a orquestra de Count Basie, passou pela “big band” de Clark Terry, participou no icónico disco “The Jazz Composers Orchestra” (dirigido por Michael Mantler). Gravou com Gene Amons, Dorothy Ashby, Elvin Jones, Yusef Lateef e Oliver Nelson, entre muitos outros. Nos últimos anos, gravou dois discos em parceria com o também veterano Hank Jones.

Flautista, Wess utilizou também o saxofone tenor. Neste disco, que acabou por ser o último da sua longa carreira, o veterano ocupa-se simplesmente do sax e conta com a companhia de um grupo sólido. O contrabaixista Kenny Davis e o baterista Winard Harper fazem uma dupla rítmica estável, mas é ao pianista Kenny Barron que cabe o papel fundamental, apoiando com inteligência cada movimento do saxofone tenor.

Apesar do peso da idade avançada - o disco foi gravado em 2011, quando Wess contava já com 89 anos –, o músico não dava sinais de cansaço. É verdade que a escolha do alinhamento foi bem trabalhada: os temas são todos lentos, o que lhe permite trabalhar com mais espaço, mas ainda assim é de assinalar o vigor pouco comum.

Ao longo de sete temas, clássicos ou “standards” inesquecíveis, o som quente do tenor de Frank Wess dá nova vida a baladonas como “The Very Thought of You” ou “Come Rain Or Come Shine”. Pleno de sentimento, cada peça é articulada com equilíbrio e, sobretudo, muita alma.

Talvez a única pecha seja a interpretação de “Blue Monk”, que pediria um andamento mais rápido – ainda assim, na sua tranquilidade, merece escuta. O disco encerra com uma revisão, em solo absoluto, de “All too Soon” de Duke Ellington, num final emotivo de entrega total. Frank Wess morreu no final do ano passado, pouco tempo depois de editar este disco. Não poderia ter tido uma despedida mais perfeita.

 

P.S.: Já no início deste ano saiu “Magic 201”, disco que reúne um conjunto de gravações de 2011 e funciona como sequela para este disco, mantendo o mesmo espírito.

  • Magic 101

    Magic 101 (IPO Recordings)

    Frank Wess

    Frank Wess (saxofone tenor); Kenny Barron (piano); Kenny Davis (contrabaixo); Winard Harper (bateria)