Volume 2: Sede e Morte – Guitar Variations for the Thirsty and the Dead

Filipe Felizardo: “Volume 2: Sede e Morte” (ThreeFour Records) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / ThreeFour Records

Lançado numa edição em vinil pela Three:Four Records em Junho passado, “Volume 2: Sede e Morte – Guitar Variations for the Thirsty and the Dead” é o novo álbum de Filipe Felizardo. Sucede a “Guitar Soli for the Moa and the Frog” (editado pela Shhpuma em 2012), disco ...

Ler mais

Daunik Lazro / Benjamin Duboc / Didier Lasserre: “Sens Radiants” (Dark Tree Records) (Curtas)

Curtas

Na sua segunda incursão em disco, o trio formado por Daunik Lazro, Benjamin Duboc e Didier Lasserre volta a ter uma referência literária, não o haiku de “Pourtant les cimes des arbres…”, mas um autor tão francês quanto os músicos reunidos, Henri Michaud. E no entanto, continua a haver na ...

Ler mais

Rodrigo Amado Wire Quartet

Rodrigo Amado Wire Quartet: “Rodrigo Amado Wire Quartet” (Clean Feed) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Clean Feed

Num ano particularmente feliz para Rodrigo Amado, sai agora mais uma edição. O “Wire” deste Wire Quartet tanto remete para “arame” como para “escuta telefónica”, naquilo que poderá ser uma referência à série de David Simon, “The Wire”. Esse é, aliás, o ponto de vista mais entusiasmante para se ouvir ...

Ler mais

Günter “Baby” Sommer: “Dedications – Hörmusik IV” (Intakt) (Curtas)

Curtas

Os discos de solos de bateria são sempre um objecto curioso e o jazz tem provado ser capaz de levar o instrumento para campos muito para além do rítmico. Já todos ouvimos a bateria a ser esticada, ampliada, levada por caminhos que pareciam impossíveis. Mas se há baterista capaz de ...

Ler mais

Orquestra Jazz de Matosinhos: “Jazz Composers Forum: Today’s European-American Big Band Writing” (TOAP) (Curtas)

Curtas

Esta talvez seja a edição mais sólida de toda a discografia da Orquestra Jazz de Matosinhos. E também o documento final do seu projecto mais ambicioso de sempre – uma série de concertos em que a “big band” dirigida por Pedro Guedes e Carlos Azevedo interpretou a música de oito ...

Ler mais

Nightshades

Matt Bauder and Day in Pictures: “Nightshades” (Clean Feed) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Clean Feed

Este segundo álbum dos Day in Pictures (que da formação original apenas se substituiu a pianista Angelica Sanchez por Kris Davis) de Matt Bauder é, em termos gerais, um tributo ao “som Blue Note”.

Bauder talvez seja mais conhecido pelo seu trio Memorize the Sky, que alia linguagens “avant-garde” e ...

Ler mais

Magic 101

Frank Wess: “Magic 101” (IPO Recordings) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / IPO Recordings

Frank Wess morreu no final do ano passado. Foi uma figura que acompanhou a história do jazz sempre na primeira fila: integrou a orquestra de Count Basie, passou pela “big band” de Clark Terry, participou no icónico disco “The Jazz Composers Orchestra” (dirigido por Michael Mantler). Gravou com Gene Amons, ...

Ler mais

“Injuries”

Angles 9: “Injuries” (Clean Feed) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Clean Feed

Saiu no final de Maio um grande disco da Clean Feed, grande em todos os sentidos, da música à embalagem. Os Angles são uma das bandas fiéis à editora portuguesa: começou por ser um sexteto formado em 2007 por Martin Küchen que lançou dois CDs ("Every Woman is a Tree" ...

Ler mais

Trape-Zape: “2” (CNM) (Curtas)

Curtas

Eis o segundo tomo dos Trape-Zape de Fernando Guiomar, com Zé David nos teclados (também em flauta e no que parece ser uma trompa) e, revezando-se, com Massimo Cavalli, João Alves e Vasco Sousa no contrabaixo e Joel Zig Faria e Beto Betuk na bateria e na percussão. A distância ...

Ler mais

Paulo Chagas Creative Ensemble: “Songs From the Books” (Zpoluras) (Curtas)

Curtas

Este é o disco de canções de Paulo Chagas. Há, por isso, qualquer coisa de folk e de pop neles, mas estas canções (cantadas e/ou declamadas por Anna Vowk, Wilhelm Matthias, Maresuke Okamoto, Paulo Ramos, Christiane Offenbar e Antonio Carlos Pastori) foram construídas a partir de improvisações com recorte experimental ...

Ler mais

Mano Quarteto: “Número Um” (Ponto Zurca) (Curtas)

Curtas

Uma boa surpresa, este Mano Quarteto. Guitarra, piano, contrabaixo e bateria, respectivamente nas mãos de André Santos, Nuno Tavares, Óscar Torres e Carlos Mil-Homens. O disco, primeiro do grupo (e daí o título) é apresentado como um cruzamento de jazz, música “clássica” (o que explicará a chancela Antena 2, indicada ...

Ler mais

A/B

1982: “A/B” (Hubro) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Hubro

Mais um disco de cinco estrelas para os 1982: será problema meu? Este novo lançamento, intitulado “A/B” (lado A e lado B, como nos LPs, com o lado A feito de uma peça longa e o B de temas mais curtos), apresenta mais uma ideia interessante, que é a de ...

Ler mais

Driftwood

Wolfgang Muthspiel: “Driftwood” (ECM) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / ECM

Grande disco de um trio liderado por uma guitarra e proposta muito interessante para o papel deste instrumento numa formação jazzística. Vamos por partes: Wolfgang Muthspiel é um guitarrista experiente, com um olhar amplo sobre o instrumento, o que quer dizer que vai muito para além das cordas e dos ...

Ler mais

“Forever Young”

Jacob Young: “Forever Young” (ECM) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / ECM

Eu gosto de melodias. Gosto de uma frase musical simpática, feita de coisas simples, combinadas de forma surpreendente. Gosto de ouvir músicos como Miles Davis tocar melodias e depois levá-las para lugares imprevistos, dobrá-las de forma admirável. Dito isto, fico com dificuldade em perceber a insistência da ECM no norueguês ...

Ler mais

Solo Flutes

Mark Alban Lotz: “Solo Flutes” (LopLop) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / LopLop

Mark Alban Lotz é um mestre flautista nascido na Alemanha, mas que se tem vindo a distinguir no seio do efervescente panorama holandês da música improvisada. O facto de ter vivido temporadas na Tailândia e no Uganda parece ter contribuído de forma decisiva para uma abordagem estética muito pessoal à ...

Ler mais

Polwechsel: “Traces of Wood” (hatOLOGY) (Curtas)

Curtas

Desde 2009 que o projecto Polwechsel não lançava qualquer disco, e neste período de tempo algumas mudanças nele tiveram lugar. Uma foi a saída de John Butcher do grupo e a outra é uma patente renovação do modo como Michael Moser (violoncelo), Werner Dafeldecker (contrabaixo) e os percussionistas Martin Brandlmayr ...

Ler mais

Waiting on You to Grow

Kris Davis Trio: “Waiting on You to Grow” (Clean Feed) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Clean Feed

Kris Davis é uma pianista discreta que domina todos os recursos e ferramentas, utilizando-os inteligentemente, com moderação e sem espalhafato. Vem desenvolvendo um percurso curioso, trabalhando diferentes formatos em frentes distintas. Além dos seus discos a solo, há que destacar o recente “Capricorn Climber” (gravado em quinteto) e esse outro ...

Ler mais

Clocks and Clouds

Luís Vicente / Rodrigo Pinheiro / Hernâni Faustino / Marco Franco: “Clocks and Clouds” (FMR) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / FMR

Os instrumentistas que integram o quarteto já conhecido no circuito dos concertos por Clocks & Clouds não podiam ter percursos mais distintos, apesar de todos estarem activos na sua franja mais criativa.

Luís Vicente tem firmado o seu nome em abordagens que vão do world jazz (Luís Vicente Trio) à ...

Ler mais

João Mortágua: “Janela” (Carimbo Porta-Jazz) (Curtas)

Curtas

Deveríamos comemorar todas as vezes que o jazz português sai daquele espartilho uniformizado em que voluntariamente se vai colocando. A publicação de “Janela” é uma dessas ocasiões. Está certo que João Mortágua parece ainda indeciso quanto a uma fórmula a abraçar, pois ao longo deste disco encontramos várias e não ...

Ler mais

II

Lawnmower: “II” (Clean Feed) (Críticas Soltas)

Críticas Soltas / Clean Feed

O segundo disco do quarteto do baterista Luther Gray e do saxofonista Jim Hobbs era aguardado com curiosidade, depois da boa surpresa em 2010. O grupo apresenta agora uma formação substancialmente diferente, com o violino de Kaethe Hostetter e o baixo eléctrico de Winston Braman a substituírem as duas guitarras. ...

Ler mais